Aeroporto de Teresina repassa mais de R$ 800 mil para o município em ISSQN

 

A CCR Aeroportos, por meio do Aeroporto de Teresina, repassou, em 2022, R$ 861.434,10 à capital piauiense por meio do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN). Somando todos os aeroportos sob sua gestão, foram repassados R$ 13.891.944,40 aos 15 municípios onde estão localizados os aeroportos que administra. 

Trata-se de uma nova fonte de receita para as prefeituras proporcionada pela concessão dos aeroportos à iniciativa privada, não disponível anteriormente porque os aeroportos eram operados pelo próprio Governo. “O gestor municipal passa agora a poder contar com o reforço orçamentário gerado pelo ISSQN do aeroporto, um dos benefícios diretos da concessão, e tem autonomia para investir os recursos nas áreas que julgar prioritárias no município”, explica Fabio Russo, presidente da CCR Aeroportos. 

Além de Teresina, outros 14 municípios também receberam a contribuição. São eles: Londrina, Foz do Iguaçu e São José dos Pinhais (município onde está o aeroporto de Curitiba) no Paraná; São Luís e Imperatriz, no Maranhão; Palmas, no Tocantins; Petrolina, em Pernambuco; Goiânia, em Goiás; Belo Horizonte, em Minas Gerais; Navegantes e Joinville, em Santa Catarina; e Pelotas, Uruguaiana e Bagé, no Rio Grande do Sul.

Sobre a CCR Aeroportos | A CCR Aeroportos, Negócio do Grupo CCR, opera 20 aeroportos no mundo, firmando sua presença em quatro países e nove estados brasileiros. Com a recente expansão a empresa se consolidou como uma das maiores operadoras em número de aeroportos no Brasil. Ao todo administra 17 aeroportos brasileiros: São Luís e Imperatriz, no Maranhão; Palmas, no Tocantins; Teresina, no Piauí; Petrolina, em Pernambuco; Goiânia, em Goiás; o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, por meio da BH Airport, e o Aeroporto da Pampulha, em Minas Gerais; Curitiba, Bacacheri, Londrina e Foz do Iguaçu, no Paraná; Navegantes e Joinville, em Santa Catarina; e Pelotas, Uruguaiana e Bagé, no Rio Grande do Sul. No exterior, a empresa opera os aeroportos de Juan Santamaria (Costa Rica), Quito (Equador) e Curaçao (Antilhas Holandesas). Em todas estas operações, a CCR Aeroportos movimenta cerca de 42 milhões de passageiros/ano. 
 

 

Utilizamos cookies para melhorar o desempenho e sua experiência ao utilizar nosso site. Nós procuramos, assim, explicar de forma transparente como, quando e porque utilizamos cookies. Ao acessar o nosso site, você concorda com a política de cookies e privacidade.